11 2604-5322 | 2601-5657

Feng Shui para quarto de bebê: dicas práticas para aplicar a técnica sem erro!

feng shui para quarto de bebê Fonte: Pixabay

Feito para trazer mais equilíbrio entre as energias do ambiente e de quem está nele, o Feng Shui é uma ciência milenar chinesa que pode ser aplicada em diversos cômodos. E um deles que pode se beneficiar muito dessa técnica é justamente o quarto do bebê!

Se você quer deixar o cantinho do seu pequeno ainda mais aconchegante e agradável, então confira as nossas dicas de como aplicar o Feng Shui!

O que é o Feng Shui?

Fruto de estudos realizados durante séculos na China através da observação da forma como as forças da natureza têm influência sobre o ser humano, o Feng Shui é uma ciência que, quando aplicada na decoração, busca alinhar os ambientes de acordo com as forças da natureza. Assim, tira o melhor proveito dessas energias e proporciona equilíbrio para quem vive no local.

E através desse equilíbrio que é possível recuperar e manter a saúde física, emocional e espiritual. Embora algumas pessoas acreditem que o Feng Shui esteja ligado a elementos decorativos específicos (itens como cristais, sinos, pedras, entre outros), a sua forma tradicional é mais abrangente.

Elaborada com base na energia produzida por cada um dos Cinco Elementos (madeira, fogo, terra, metal e água), o Feng Shui trabalha para anular eventuais energias negativas e fortalecer as positivas, por meio de:

– cores;
– aromas;
– e a disposição de móveis.

Saiba como escolher o piso para quarto infantil

Dicas para aplicar o Feng Shui no quarto do bebê

Com base nos séculos de estudo dessa técnica chinesa, hoje existem certos truques e práticas que ajudam a alinhar as energias do quarto do bebê e garantir mais qualidade de vida para o pequeno nesse ambiente tão importante – afinal, é o local onde ele passará boa parte dos seus dias.
[Imagem] Fonte: Pexels

Veja algumas dicas práticas para implementar o Feng Shui no quarto do seu filhote:

  • Cores e aromas

As cores são elementos muito importantes nessa técnica. Para elaborar um ambiente saudável e apropriado para as necessidades e características de um bebê, prefira tons suaves e claros (verde, lilás, rosa, azul e branco) que relaxam.

Evite os mais fortes (vermelho, laranja, amarelo) pois são estimulantes; use-os apenas em detalhes ou no quarto de brincadeiras.

– verde: evoca a energia da saúde;
– lilás: traz relaxamento, mas não deve ser exagerado e fica melhor em detalhes;
– rosa: relacionado ao amor e ao relaxamento;
– azul: contém o elemento água, portanto é repleto de emoções que acalmam; traz paz.

É muito indicado estimular os sentidos do bebê, e não apenas a visão (através das cores do ambiente), mas também outros, como o olfato. Deixar o quarto do nenê com alguns cheirinhos específicos é um jeito prático e eficiente de aplicar o Feng Shui na área. Algumas dicas de aromas são:

– lavanda: acalma;
– tangerina: é revigorante e muito bom para quando o pequeno estiver com resfriados, mas deve ser evitada à noite;
– eucalipto: ajuda na respiração e elimina as energias negativas do ambiente.

  • Disposição dos móveis

Juntamente com as cores e os aromas, a própria organização dos móveis no espaço físico tem influência na forma como a energia flui pelo ambiente e afeta o bebê. Uma dica é não deixar o berço de costas para a porta nem de frente para ela diretamente, pois essa área tem intenso fluxo de energia.

Ainda sobre o berço, é fundamental ter cuidado com a parede na qual ele ficará encostado: ela nunca pode ser a divisa com o banheiro pois esse ambiente rouba a energia dos outros espaços.

Evite também encostar o berço em uma parede que faça divisa com a sala por conta dos aparelhos eletrônicos que geralmente estão nela; eles interferem na saúde e na qualidade do sono. Por fim, se possível, coloque o móvel longe das janelas por conta da forte corrente de energia e também de vento.

berco de bebê longe da janela no quarto Fonte: Pinterest

Com relação aos outros móveis do quarto, o ideal é ser minimalista (só tenha os essenciais) e optar por modelos arredondados. Além dessa ser uma questão de segurança, também reforça o bom Feng Shui, porque nessa técnica as quinas simbolizam energia cortante e de forte hostilidade e agressividade.

  • Organização do ambiente

Um quarto que seja condizente com o bom Feng Shui e que, por isso, proporciona muitas energias positivas para o pequeno precisa manter o ambiente organizado da forma correta. Ele precisa ser alegre, arejado e suave, propício para o relaxamento e para a amamentação.

quarto de bebê iluminado Fonte: Pinterest

Portanto, planeje tudo de forma minimalista, pois a presença reduzida de itens decorativos e móveis proporciona maior equilíbrio energético.

Outra dica fácil e eficiente é abrir mão do móbile acima do berço, porque, além de muitas vezes assustar o pequeno, o item ainda sufoca as energias do berço. Por fim, evite também ter muitos espelhos no quarto do bebê, pois eles afetam o equilíbrio energético.

quarto de bebê com berco Fonte: Pinterest

  • Mais dicas práticas

– tenha uma foto dos pais no ambiente, pois esse pequeno item tem o grande poder de transmitir energias de amor e segurança;

– procure sempre usar um tom de voz baixo e calmo para atrair energias positivas no quarto do bebê;

– priorize produtos naturais, como roupas 100% algodão e tintas para as paredes que não contenham tantos produtos químicos;

– tenha o mínimo possível de aparelhos eletrônicos no ambiente, pois a energia eletromagnética pode desequilibrar o Feng Shui do ambiente

Veja dicas para criar um ambiente seguro para crianças

Aproveite o Feng Shui e use e abuse da técnica para garantir que o cantinho do seu pimpolho seja sempre o mais agradável, confortável e positivo possível! Com essas dicas, você já tem um início prático e fácil para organizar o ambiente; agora é só colocá-las em prática!

Deixe uma Resposta.