11 2604-5322 | 2601-5657

Conceito aberto: conheça tudo sobre essa tendência!

Conceito Aberto

Portal Rosa Choque

Quem acompanha os programas de TV de decoração e de arquitetura sabe que uma das grandes tendências atuais é investir em moradias com o conceito aberto.

Essa ideia vai além das questões estéticas, facilitando o convívio com as pessoas, ampliando espaços e permitindo que os pais cuidem melhor de seus filhos pequenos. Quer saber mais sobre o conceito aberto? Aprenda agora mesmo dicas sobre o essa tendência!

Mas, primeiro: o que é conceito aberto?

O conceito aberto surgiu na década de 1990, em Nova York, quando os antigos prédios industriais começaram a ser transformados em apartamentos residenciais.

Dentro desse conceito, a demarcação dos ambientes acontece conforme a disposição dos móveis. Por exemplo, um mobiliário de TV ou o sofá podem criar o ambiente da sala e “dividi-la” da área de refeição, mas sempre permitindo que as pessoas visualizem o ambiente como um todo.

Essa é uma excelente ideia até mesmo para imóveis menores, uma vez que o conceito aberto confere ao lugar uma impressão de que ele é maior e melhor utilizado.

Geralmente, os espaços integrados dentro deste conceito passam pela cozinha, a sala de jantar e a de estar. Mas, dependendo do projeto de arquitetura até o quarto e o jardim podem fazer parte deste processo de abertura da casa, como veremos a seguir.

Claro que deixar o ambiente totalmente integrado não é a melhor opção, pois pode se perder totalmente a privacidade. Mas é sempre possível contar a ajuda de algumas peças de decoração para preservar a intimidade, como divisórias, cortinas e portas de vidro deslizantes.

Quais são as vantagens do conceito aberto?

Além de melhor aproveitar todos os ambientes de um imóvel, como já falamos acima, esse tipo de configuração interna do ambiente permite aos seus moradores fazerem diversas atividades ao mesmo tempo, como ficarem de olho nas crianças pequenas, por exemplo.

O conceito aberto incentiva e facilita o convívio familiar. Desta maneira, todos aproveitam ao máximo os momentos juntos, seja descansando, divertindo-se ou, até mesmo, realizando os seus afazeres diários. Toda a dinâmica de uma casa fica mais prática, simples e participativa.

A amplitude, mais uma vez, é um ponto muito importante a ser destacado, uma vez que os moradores e até visitantes passam a ter uma área de circulação muito maior, com ambientes mais arejados, organizados e otimizados.

Como integrar os ambientes?

Confira alguns exemplos práticos nos projetos de integração de ambientes:

Sala com cozinha

Essa é a combinação mais utilizada dentro do conceito aberto. Nesses casos, usa-se uma ilha como base para o cooktop, que pode ficar localizada no centro da cozinha ou dividindo os ambientes.

Sala com Cozinha

Revista Use

Outra ideia é colocar metade de uma parede com uma bancada de madeira ou de granito para reunir a família e amigos enquanto a refeição é preparada. Entretanto, é preciso que o ambiente conte com ventilação natural e uma coifa de qualidade para que a gordura e o cheiro forte de comida não invadam os demais ambientes.

Como decorar uma cozinha pequena? Dicas para integrar os ambientes!

Sala com escritório

Como o trabalho dentro de um escritório necessita de muita tranquilidade e concentração, esse tipo de integração exige alguns cuidados extras, como a utilização de uma porta retrátil.

Sala com Escritório

Leila Dionizio

Hoje em dia, esse tipo de porta confere até um toque de elegância ao ambiente. Quando fechada, ela pode formar um belo painel de madeira na sala.

Saiba como montar um home office muito confortável!

Quarto com escritório

Como o quarto é o lugar que requer maior privacidade na casa, muitas pessoas gostam de integrá-lo ao escritório, transformando-o em um excelente home office.

Quarto com escritório

Nesse caso, a melhor saída é a utilização de estantes, prateleiras, painéis ou até de bancadas, que podem fechar de maneira parcial os dois ambientes.

Quarto com closet e banheiro

Quarto Closet com Banheiro

Terra

Neste caso, geralmente, são utilizadas paredes de vidro para integrar os ambientes. Um projeto bem planejado pode incluir divisórias para manter um nível satisfatório de privacidade e de conforto para os moradores.

Sala de jantar com jardim

Sala de Jantar

Pinterest

Aqui, a sala de jantar é integrada ao jardim através de portas de vidro deslizantes. Essa simples mudança na estrutura da casa traz mais vivacidade e beleza aos momentos mais rotineiros em família.

Uma coisa é certa: o conceito aberto é uma tendência que veio para ficar. Além das vantagens citadas acima, os ambientes integrados ainda são mais modernos e aconchegantes, o que acaba sendo dois motivos a mais para apostar nesse estilo em seu próximo imóvel.

Agora que você já sabe tudo sobre a tendência do conceito aberto, é só colocar em prática. Você também pode gostar deste conteúdo: Paisagismo para área interna: confira algumas dicas para fazer em sua casa!. Até o próximo post!

Deixe uma Resposta.